terça-feira, agosto 04, 2009

Amamentar: uma aprendizagem necessária

A semana mundial de amamentação não é coisa nova.Vem sendo bravamente incrementada por entidades como a Origen,cria da Denise Arcoverde,e disseminada pelos centros de saúde,postos,comunidades.Mas não é uma campanha fácil como pode parecer a pessoas que não tenham intimidade ou proximidade com alguns fatos e algumas envolvidas:fracassos,má orientação gerando efeito contrário ao desejado,isto é,que naturalmente o ato de alimentar o próprio filho aconteça,trazendo nutrição,imunidade,conforto para a criança e realização,prazer genuino e beneficios fisiológicos também para a mamãe.
Meus votos nessa semana é que todos nós que trabalhamos profissional ou voluntariamente nessa cruzada,consigamos nos preparar bem para acolher,orientar corretamente as mulheres que nos procuram ou estão em nossa área de atuação.Que sejamos responsáveis somente o suficiente para não criticar,para escutar,dialogar,ficarmos atentos.Que a consulta pré-natal não seja só cinco minutos de cumprimento de tarefa mal feita.E que mais e mais esse binômio mãe-filho seja um inicio de uma vida plena,saudável,para ambos.

Notas:1.Pra quem ainda não foi,vá ao blog da Denise,o síndrome de estocolmo.Tá muito bonita a campanha lá.
2.Pra minha tristeza e vergonha,não há nem sinal da campanha lá no c.s.turu.Tomara que aconteça alguma coisa até a sexta-feira.

5 comentários:

tita coelho disse...

É super importante Anunci essa campanha e é uma pena saber que no C.S. Turu não existe nada ainda!
Beijos menina

Luma disse...

O que as mães precisam saber é que ao amamentar em nosso organismo é liberado o 'hormônio do afeto' - a ocitocina ou oxitocina. Ajuda a estreitar os laços e deixar as mães mais fortes para passarem essa fase sem depressão. Beijus

Meire disse...

Qdo fui ao Brasil, no onibus de Sao Paulo para ribeirao eu ouvi uma garota que tinha um bebe nos braços para a senhora que dividia banco com ela:
-Eu nao amamentei, doìa demais e eu chorava, entao meu marido saiu e comprou uma lata de leite. Meu filho nao morreu pq nao dei de mamar para ele, ja' a filha da minha amiga e bla bla bla..
Na hora me recordei da Denise, e fiquei pensando no qto ainda precisamos batalhar e fazer certas maes entenderem do porque amamentar...é realmente um trabalho de formiguinhas, mas um dia a gente chega la'.
Bjs

Canta AMBiente disse...

Olá, além do valor inestimável para a saúde física da criança, eu asseguro que a saúde emocional da mãe se completa durante tamanha emoção que é amamentar!Meus filhos já são bem crescidos e afirmo que amamentá-los foi a melhor experiência que tive na minha vida.
Abraço,
Angélica

zany disse...

Nunci, aqui teve uma vasta campanha, cuja culminância aconteceu no monumento do Marco Zero do Equador. A temática este ano era: 500 mães amamentando no meio do mundo. Teve apresentação de danças típicas, representação teatral e shows com os cantores regionais. Foi bonito e emocionante. Bjs!!!